Cultura


GAleria de Artes 9

Bibliotecas Ricardo Severo e Fernando Pessoa

Inaugurada em 1957, a Biblioteca conta com precioso acervo de cerca de 12.900 volumes, consultado diariamente por dezenas de estudantes, professores e pesquisadores. Conta também com sala de leitura e um confortável Anfiteatro com 120 lugares para palestras, apresentações e concertos musicais para público reduzido. A este acervo veio juntar-se o acervo pessoal do Professor Massaud Moisés, assíduo frequentador da nossa biblioteca, professor catedrático de Literatura Portuguesa da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da USP que doou doou cerca de 15 mil exemplares da sua biblioteca pessoal à Casa de Portugal hoje instalada na Sala Fernando Pessoa.
Destacam-se livros sobre Filosofia, História, Catálogos de Arte(Museus e artistas contemporâneos); Partituras de música do século XVI-XIX da Fundação Gulbenkian e música do período de D.João VI; História e Literatura dos países de língua portuguesa; História da língua portuguesa no mundo ( Ceilão, Timor,Goa) além de obras de referência, inclusive dicionários de Eça de Queiroz e Camilo Castelo Branco.
Com o passar dos anos, as doações contribuíram para enriquecer o acervo e a biblioteca passou a fazer empréstimo de livros tornando-se conhecida no meio estudantil. A biblioteca dispõe de um patrimônio de grandes proporções, ressaltando a tradição e a preservação dos valores históricos e culturais dos portugueses em São Paulo.

Consultas
As consultas podem ser realizadas a partir de fichas separadas por assunto e em ordem alfabética de autores.


Horário de funcionamento:
2ª a 6ª feira – das 12 às 17 horas / tel. +55 (11) 3273-5555

Destaque de algumas obras:
• Os Lusíadas: grande edição autográfica – 1898
• Romanceiros – Almeida Garrett – 1899
• As Pupilas dos Sr.Reitor – Júlio Diniz – edição ilustrada de 1907
• Dicionário chorográfico de todas as cidades,vilas e freguesias de Portugal. 12 v. – 1874
• História de Portugal- Pinheiro Chagas – 1899
• Monumenta Henriquina – 12 vol.
• Álbum da Colônia Portuguesa no Brasil – 1929
• Impressões do Brasil no sec.XX – Loyd Inglês – 1913
• Coleção Revista Ilustração Portuguesa – 1904-1924
• As Farpas – 1890
• A Águia – 1912
• Revista de Portugal – Eça de Queiroz – 1890

Galeria de Artes

A Galeria de Artes com uma área de 156 m², funciona no mezzanino do Salão de Festas de fácil acesso ao público, que mantém um vasto e dinâmica calendário de exposições.

Grupo Folclórico da Casa de Portugal

Fundado em 10 de Outubro de 1973, com o objetivo de divulgar o folclore português e manter vivas as tradições populares, mantém em seu repertório centenas de peças populares e um vasto calendário de apresentações em todo o Brasil representando muito bem a nossa Casa.

Composto por 8 pares “dançadores” e uma tocata formado por 5 concertinas, 2 acordeons, 1 cavaquinho, 1 viola braguesa, 1 violão, 1 reco-reco, 1 ferrinho (triangulo), 1 bumbo, 1 par de castanholas e coro com 4 vozes numa formação completa, as apresentações podem ter duração de 30 minutos a 1 hora e 30 minutos, constituindo-se num show muito alegre, dinâmico, colorido e participativo junto ao público, apresentando o que há de mais representativo no folclore de norte a sul de Portugal, podendo ainda, propor aos espectadores a participação num autêntico arraial português, através de um animado “vira livre”. Em apresentações de menor porte, o Grupo Folclórico poderá apresentar-se com uma formação de 4 pares dançadores e 5 músicos na “tocata”.

Com 03 CDs gravados com a denominação de “Canta Meu Povo” (volumes I, II e III), coletânea do repertório, com tiragens de 5000 exemplares e 1 DVD gravado ao vivo durante a Festa da Vindima em 2008 na própria Casa de Portugal. O Grupo Folclórico da Casa de Portugal é reconhecido como um dos melhores do Brasil, apresentando, com sua experiência e seu rico repertório, um programa variado de forma a dar a seu público um programa completo, alegre e intenso com o que há de melhor no colorido e contagiante folclore de Portugal.

Possui em seu acervo um coleção muito variada e representativa de trajes originais com mais de 150 peças. É um dos mais antigos grupos de São Paulo com atividade ininterrupta, focado na autenticidade de seus trajes, o que demanda um árduo trabalho de manutenção e reposição, assegurado pelo próprio Grupo, na sua maioria peças de Viana do Castelo (Minho) considerada a capital do folclore em Portugal.


• 32 Trajes femininos (Lavadeiras de Luxo)

Minho – (Viana do Castelo) Norte de Portugal

•12 trajes de noivas do Minho
Minho – Norte de Portugal • 4 trajes de mordomas – trajes do século XVII, bordados manualmente com pedrarias.

Minho – Norte de Portugal

• 42 Trajes Variados

Minho – (Viana do Castelo) Norte de Portugal

• 35 Trajes Variados

Todas as regiões de Portugal incluindo Madeira e Açores

O Grupo Folclórico da Casa de Portugal de São Paulo é a atracão artística sob medida para comemorações cívicas, aniversários de cidades, espetáculos ao ar livre, ações beneficentes, programas e anúncios de televisão, festas das nações, festas portuguesas, etc. O que garantiu ao Grupo Folclórico apresentações em praticamente todo território brasileiro.

Gastronomia O Marquês Buffet

Requinte, sofisticação e versatilidade na apresentação de uma gastronomia de qualidade e contemporânea, dispõe de toda a infra estrutura para a realização de seu evento social ou corporativo: casamentos, bodas, debutante, aniversário, formaturas, workshop, palestras, apresentação de produtos, lançamentos, confraternizações. A Casa de Portugal dispõe de uma parceria com os Estacionamentos Trevo, ao lado do edifício, que possibilita a comodidade e a agilidade para estacionar mais de 100 veículos. Coloca à sua disposição e de seus convidados um staff formado por profissionais qualificados: Gerentes, Maitres, Chefs de Cozinha, Garçons, Barmans e Auxiliares, bem como todo o material necessário para a execução dos serviços (talheres, porcelanas, prataria, cristais, toalhas, etc.) assegurando a qualidade dos serviços e o bom atendimento dos seus convidados, quer nas instalações da Casa de Portugal ou na sua empresa ou residência. O Marquês Buffet tem por norma oferecer aos seus clientes o melhor da gastronomia portuguesa, com a possibilidade dos nossos chefs criarem cardápios personalizados e variados com requinte e criatividade, fundindo tendências da culinária internacional tradicional e contemporânea para coquetéis, almoços, jantares, coffee breaK , café da manhã, chá da tarde, brunch, etc.

Marquês Pub

O Marquês Pub tem uma arquitetura peculiar – o que antes era uma larga escadaria de concreto se transformou numa série de plataformas divididas por escadas, que descem até o piso, onde se encontra o bar. Para ambientar o espaço, usou-se muita madeira e as paredes foram decoradas com criativos quadros, objetos antigos, luzes baixas e amareladas. As paredes de tijolos rústicos e o piso de concreto escovado com granito e cerâmica – Projetado pela arquiteta Luciana Caveiro – dão o toque final da casa, muito frequentado por executivos no horário do almoço e à noite por clientela jovem e animada.

Restaurante O Bocage

Este espaço inusitado, localizado na adega da Casa de Portugal, remete às tradicionais casas de fado de Lisboa. Com uma área de bar, sala de refeições num espaço de 110m2, comporta até 80 pessoas sentadas num ambiente extremamente acolhedor e intimista contando com o serviço do Marquês Bufett. É neste espaço que semanalmente se realiza o tradicional "Almoço das Quintas" que acontece há quase 70 anos. Recentemente tem sido muito procurado por novos frequentadores que buscam um local que bem represente a eno-gastronomia portuguesa em São Paulo.

Todos os espaços possuem ar condicionado, aliando conforto à tradição da Casa de Portugal.